Destaque Política
Publicado em 23/12/2016 às 9:10 - Autor:

Duran mantém o mistério e não divulga os próximos secretários do seu governo

paco-municipal-de-presidente-venceslau-1

A pouco mais de uma semana da posse para novo mandato, o prefeito de Presidente Venceslau, Jorge Duran (PSD), ainda não divulgou os nomes que ocuparão as secretarias municipais.

De concreto até agora é a saída do secretário de Finanças, Marcos Ota, que vai assumir a mesma função na Prefeitura de Presidente Epitácio, conforme já noticiado pela imprensa da Joia Ribeirinha.

Sebastião Erculiani não deve continuar na Secretaria de Educação. A decisão, conforme uma fonte do jornal Tribuna Livre, é de ordem pessoal. Para substituir, dois nomes são cogitados: Gisele Oberlaender Ramos e Daiane Belaz Correia. Mas poderá aparecer uma terceira opção, guardada a sete chaves pelo prefeito.

Outra mudança que poderá ocorrer é na Secretaria de Saúde. A atual secretária, Suzi Bonifácio, segundo uma fonte do jornal, não deve continuar. Em seu lugar está sendo cogitado o nome de Valentim Grion, que é cirurgião dentista e tem ligação com o PV (Partido Verde).

Na Secretaria de Assistência Social, a atual secretária, Célia Dourado, estaria impedida por força da Lei do Nepotismo, já que seu marido, o tenente Dourado, foi eleito vereador pelo PDT e assumirá uma cadeira na Câmara.

Outra especulação diz respeito à Secretaria de Agricultura, Abastecimento e Meio Ambiente, a SEAAMA. O atual secretário, Rodolfo Seddig, estaria assumindo cargo de assessor do deputado federal Major Olímpio, em Brasília. Em seu lugar, segundo a fonte do jornal, entraria Fred Padovan.

Cogita-se também que Duran deve mexer na Secretaria de Planejamento. Neste caso, José Antonio Rachopi, o Zinho, seria substituído por Fernando Hamada, presidente do PP. A ida de Hamada selaria eventual acordo para garantir apoio do único vereador eleito pelo PP, Percy Paulo Pereira.

Dias atrás, Duran pediu que todos os comissionados entregassem seus cargos. A medida sinaliza que o prefeito venceslauense deve mesmo promover mudanças, até porque o quadro político é outro a partir da sua reeleição. Em tese, este fato obrigaria a acomodar nomes indicados pelos partidos e vereadores eleitos em sua coligação.

NOTA DO AGORA VENCESLAU:

Existe ainda uma especulação forte de quem será o Secretário de Esportes. Marcello Dassie, atual gestor da pasta, pode continuar no cargo, mas outros nomes correm por fora. O presidente do PHS, Bruno Coli, já deixou claro que deseja ocupar a secretaria, o vereador Vandeir de Novaes, não conseguiu a reeleição e agora deseja ser secretário, Bruno Negreiro, atual Chefe de Recreação já foi citado por fontes próximas ao prefeito Duran e até Cidão Cley.

(Jornal Tribuna Livre)

Comentários