Destaque Esportes
Publicado em 06/06/2016 às 9:08 - Autor:

Palmeiras vence, mas se irrita com erros de arbitragem

palmeiras

Apesar da vitória por 2 a 1 sobre o Flamengo na tarde do último domingo, o Palmeiras deixou Brasília incomodado com uma questão: a arbitragem de Dewson Fernando Freitas da Silva. A irritação pelos erros resultará em uma ação mais drástica, junto à Confederação Brasileira de Futebol (CBF).

Segundo apurou o UOL Esporte, o Palmeiras emitirá uma reclamação formal à entidade máxima do futebol nacional sobre a atuação do trio de arbitragem na partida contra os cariocas.

O clube de Palestra Itália se apegará às imagens da transmissão da partida para basear o questionamento que será enviado à CBF. O principal alvo da reclamação palmeirense ocorreu aos 19min da segunda etapa.

Luan, que entrou após o intervalo, cruzou para a área e viu o zagueiro flamenguista Léo Duarte interceptar o lance com a mão direita. Além do atacante, os jogadores mais próximos também reclamaram muito no momento em que a arbitragem ignorou a infração.

O erro de Dewson incomodou a diretoria do Palmeiras, que agirá nos bastidores contra mais uma polêmica arbitragem.

Aliás, não é a primeira reclamação palmeirense contra a arbitragem neste Brasileiro. Pelo menos em três das seis rodadas disputadas, decisões polêmicas geraram incômodo pelos lados da Academia de Futebol.

Fora na primeira rodada, quando uma confusão de Bruno Arleu de Araújo só retirou o cartão vermelho dado a Barrios após aviso do auxiliar, e da partida do último domingo em Brasília, que gerou a reclamação formal, mais dois jogos contaram com decisões questionadas pelo atual quarto colocado da Série A.

Na derrota por 2 a 1 para a Ponte Preta, Gabriel Jesus teve um gol mal anulado – o trio comandado por Leandro Pedro Vuaden assinalou impedimento, mas o palmeirense recebeu a bola do defensor ponte-pretano Douglas Grolli.

Assim como neste domingo, o Palmeiras reclama da arbitragem em outro triunfo na competição. No 4 a 3 sobre o Grêmio, Bressan aproveitou o rebote – em posição de impedimento – para dar a assistência a Giuliano, no lance do primeiro gol dos gaúchos no Pacaembu.

O gol de Giuliano, anotado aos 49min da primeira etapa, gerou questionamentos. Os jogadores até cercaram o árbitro na saída para o intervalo. A irritação com a arbitragem desta forma, não se resume ao duelo contra o Flamengo.

Procurado, o Palmeiras informou, via assessoria, que não comentaria sobre o assunto.

Matéria UOL
Foto: Michel Filho / Agência O Globo

Comentários